A coleção de livros CADERNOS DA TERRA trata-se de um projeto que teve a sua génese no movimento cívico Filhos da Terra de Mangualde.

A premissa que teve por base o lançamento desta coleção de livros prendeu-se com o actual quadro de desenvolvimento económico, onde os recursos endógenos ganham uma preponderância crescente. Estes bens, se economicamente considerados, poderão constituir uma vantagem competitiva face aos outros territórios, potenciando condições de afirmação pela sua singularidade. Com esta coleção do qual sou o coordenador pretende-se contribuir para a preservação de algum do singular legado comum das nossas terras de Azurara, desafio este extensível a todos os Mangualdenses.

 

CADERNO DA TERRA N.º 1

Capa_LeitariaCarola

Leitaria Carola,  o primeiro café de Mangualde e as suas receitas centenárias

Autor e coordenador: Fernando Pau-Preto

Editor: Jornal Renascimento | Empresa jornalística Renascimento Lda

Design: João Martins

Sinopse: simbiose de receitas de doces com um pouco da história de Mangualde, centrada na Leitaria Carola foi o mote que deu origem a este livro e que nos permite viajar às décadas dos anos 20 a 40 do século passado na nossa terra.

No mesmo livro são ainda reproduzidas dos originais 39 receitas centenárias, acompanhadas com uma sugestão de confecção, património este que ficará disponível e preservado. A maioria das receitas são referentes a doçaria (35) que,  de entre as quais, destacamos apenas algumas: Pudim gelado de laranja, Barriga de freira, Morcelas doces, Sequelhos, Doce de sebo enrolado, Bolo-Rei, Queijadas de relão, Licor de leite, Zangas, etc. Restam ainda as receitas salgadas, que são apenas 4.

Capa_convite

O livro encontra-se organizado da seguinte forma:

– Índice geral; Nota de apresentação pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Mangualde – Dr. João Azevedo; Prefácio, Agradecimentos e Dedicatória pelo autor;

– A Leitaria Carola pelo Eng. António José Pau-Preto: A descrição da leitaria, A história da leitaria e Mangualde naqueles tempos, A minha vivência na leitaria;

– Recortes de imprensa: Anúncio publicitário (1927, Renascimento), Notícia da abertura do estabelecimento (1928, Renascimento); Mangualde de outrora pelo Sr. Valentim Oliveira;

– Receitas doces – a grande maioria por Manuel Maria Carola;

– Receitas salgadas.

O livro faz parte da Colecção CADERNOS DA TERRA, tendo assumido neste número inaugural o papel de editor a Empresa Jornalística Renascimento Lda.

Para obter o seu exemplar poderá efectuar um pedido via e-mail ao Jornal RENASCIMENTO (para tal basta clicar sobre a palavra anterior) ou dirigir-se às suas instalações no Largo do Dr. Couto n.º 15. Poderá ainda obter o seu exemplar no Posto de Turismo da Câmara Municipal de Mangualde.

APOIOS NA PUBLICAÇÃO DO LIVRO

Apoios

A ilustração com a recriação da fachada do edifício da Leitaria Carola é da autoria de Teresa Botelho, a quem o autor agradece.

LANÇAMENTO DO LIVRO E APRESENTAÇÕES

A cerimónia de lançamento do livro o ocorreu no dia 10 de Setembro de 2010, por voltas das 21:15, na Biblioteca Municipal Dr. Alexandre Alves em Mangualde, tendo participado cerca de uma centena de pessoas.

No dia seguinte, o autor efectuou uma apresentação do livro na FNAC de Viseu, seguida no nova apresentação dia 18 à Confraria Gastronómica do Dão no Hotel Palace nas Termas de São Pedro do Sul.

No dia 12 de Dezembro de 2010, pelas 17:00, no piano-bar do Clube Literário do Porto irá ocorrer a apresentação do projecto que deu origem a este livro, acompanhado da possibilidade de provar algumas das recitas oferecidas pelo Clube Literário do Porto.

ENTREVISTA COM O AUTOR

Fernando Pau-Preto concedeu uma entrevista à jornalista Tânia Gonçalves, onde abordou  grande parte do processo que deu origem ao primeiro livro da colecção dos Cadernos da Terra.

Entrevista  publicada no Jornal Renascimento n.º 554 de 15 de Setembro de 2010.

 

CADERNO DA TERRA N.º 2

 

Mangualde em Movimento

Autor: João Loureiro

Editor: Jornal O Zurara | O Zurão – Produções e edições reionais

Design: Vera Velez

Coordenador: Fernando Pau-Preto

Sínopse:

Trata-se de um livro de cariz pessoal, no qual o autor aborda uma grande diversidade de situações vivenciadas muitas delas pelo próprio e ocorridas no século passado. O design ficou a cargo da Vera Velez e uma das grandes atracções deste livro serão certamente as inúmeras ilustrações, cerca de 40, sendo algumas delas fotografias antigas nas quais poderão reconhecer diversas pessoas e locais de Mangualde de outrora. O livro encontra-se organizado da seguinte forma:

– Nota de abertura pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Mangualde – Dr. João Azevedo;

– Prefácio pelo Professor Doutor Sílvio Abrantes (um filho da terra, natural de Abrunhosa do Mato);

– Nota do autor, pelo próprio;

– 13 crónicas, 12 delas publicadas no Jornal O Zurara de Junho de 2008 a Maio de 2009 e uma crónica inédita;

– Nota de coordenação por Fernando Pau-Preto;

Ecos da apresentação

CADERNO DA TERRA N.º 3

Sobre o escutismo

Autor: Luis António Garcia

Editor: Jornal Notícias da Beira | Fundação Cónego Monteiro

Design: Adriano de Carvalho

Coordenador: Fernando Pau-Preto

Ecos da apresentação

CADERNO DA TERRA N.º 4

Alguns mangualdenses ilustres, dos séculos XIX e XX

Autor: Valentim Oliveira

Editor: Livraria Adrião

Design: Adriano de Carvalho

Coordenador: Fernando Pau-Preto

 

CADERNO DA TERRA N.º 5

 

Planeamento Territorial, crónicas

Autor e coordenador: Fernando Pau-Preto

Editor: APPLA – Associação Portuguesa de Planeadores do Território

Design: Adriano de Carvalho